Cor de rosa | Gabriela Gouveia >> fotografia, moda, maquiagem, DIY, dicas e tutoriais

Cor de rosa | Gabriela Gouveia >> fotografia, moda, maquiagem, DIY, dicas e tutoriais

Hully: três anos sem você…

O tempo não pára!
A saudade é que faz as coisas pararem no tempo…
Mario Quintana

Há três anos atrás no dia 20 de Agosto, meu mundo desabou. Perdi a minha melhor amiga, o ser que sempre esperei e desejei mais do que tudo na infância. Perdi minha cachorrinha Hully (quem quiser saber o que aconteceu, basta clicar aqui).

Ela sempre foi amada em todos os sentidos. Ela sempre foi a minha força quando não sabia de onde tirá-la. Ela sempre foi orgulhosa e irredutível, e eu amava isso nela! <3 E hoje eu sei que embora nada seja eterno, no meu coração as lembranças são. Ainda posso ouvir o barulho das patinhas dela no chão, ou ver os dentinhos dela para fora da boca, rs. Obrigada por tudo meu amor, eu sempre te amarei!

Julio
Novidades no canal do blog + desabafo
Fofura do dia: minha cachorrinha tem Instagram!

Tiradentes – Minas Gerais

Tiradentes não tem a suntuosidade barroca de Ouro Preto e de São João del Rei, mas certamente é a mais charmosa das cidades históricas. Em suas ruas coloniais calçadas com pedras pés-de-moleque, as igrejas do século 18 dividem a atenção com o preservado casario formado por sobrados que abrigam restaurantes, pousadas, antiquários e lojas de artesanato que acendem seus lampiões na fachada ao anoitecer. O cenário encantador e que já serviu de locação para filmes, seriados e novelas, exibe ainda uma imponente moldura – a Serra de São José, com montanhas típicas de Minas Gerais.

Suas principais atrações são o Chafariz de São José, o Museu Padre Toledo, as igrejas de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos, de Nossa Senhora das Mercês e a Matriz de Santo Antônio, a mais bonita de Tiradentes com trabalhos atribuídos a Aleijadinho. Descolada, Tiradentes vem, a cada dia, deixando de ser um destino meramente histórico para se tornar um pólo cultural – há quase dez anos é pano de fundo para concorridos eventos, como a Mostra de Cinema e o Festival de Cultura e Gastronomia.

Fonte: Ferias Brasil

Há alguns anos atrás fomos visitar São João del Rei, pois aconteceriam as Bodas de ouro da irmã da minha avó, e também o casamento da filha dela. Aproveitamos para visitar Tiradentes, onde meu avô estudava e é uma cidade histórica.

Lá é impossível de se andar com salto alto, pois além das ruas de pedras e desníveis, você conta com ladeiras exaustivas. O clima de Tiradentes é incrível; você sente e vê a história por todo o lugar que passa!

Um dos primeiros pontos turísticos que visitamos foi o Museu Padre Toledo, onde foi realizada a primeira reunião dos Inconfidentes. Lá no casarão tudo está se acabando com o tempo, pois a pintura do teto está toda descascada, algumas peças tem cupins…enfim, reações do tempo, que são perfeitamente normais. A pior parte do passeio foi entrar no lugar onde os escravos viviam. Senti um arrepio e uma tristeza em ver as condições em que viviam…era um alojamento sem ar, sem luz e no chão de terra!

Na janela do lado de fora do museu tinhamos a visão perfeita de uma escola (onde o meu avô estudou), e ele fez questão de se exibir para nós, contando que certa vez brigou com um amigo na frente da escola, rs :D

Logo após isso, fomos para a Igreja Matriz de Santo Antônio, ponto turístico da cidade onde foram rodados vários filmes, além de ter uma vista simplesmente incrível, de tirar o fôlego! É proibído tirar fotos da parte de dentro da Igreja (vai entender!), mas ela é toda feita de ouro por dentro. O mais sinistro é o cemitério que existe ao lado da Igreja e – pasmem – alguns corpos enterrados dentro da Igreja :S

Depois de visitar os pontos turísticos, fomos tomar o famoso chocolate quente de Tiradentes, e depois disso pegamos o trem para voltar a São João Del Rei. Me senti indo para Hogwarts gente, imaginem a emoção! <3 Como fotos valem mais do que mil palavras, vejam abaixo algumas fotos do nosso passeio inesquecível (que foi em meados de 2008):

 


1º) Meu pai, mãe, irmão (ainda um baby) e meu avô / 2º) Placa do museu


O teto do museu está descascando, o que é uma pena!
Escola onde meu avô estudou
Bandeira de Minas Gerais
Antes de irmos para a Matriz de Santo Antônio
Igreja Matriz de Santo Antônio
A vista que você tem é incrível!
Um dia eu fui maior do que o meu irmão (que hoje está quase com 1,90!) #mybaby :3
Uma casinha incrível com essas fadinhas no jardim!
Dá licença que vou pegar o trem para Hogwarts, beijos para vocês!


O passeio de trem tem uma paisagem incrível!

Vocês já visitaram São João del Rei e Tiradentes? Quero saber o que acharam :D

Inspiração: alianças de ouro
Como criar logos gratuitamente na internet
COMO FAZER UMA MALA LEVE E OBJETIVA PARA VIAJAR

Apresentando Kitty, a minha gatinha!

Quem se lembra da gatinha que eu resgatei (e que contei nesse post aqui?). Eu disse que estávamos procurando por um dono para ela, e que queria me certificar de que ele seria "o dono".

Pois é… muito prazer, sou a mais nova dona da Kitty!


Entrei pra família, miau!

Acabou que essa fofura conquistou a todos aqui em casa com seu jeitinho de ser, seu miado estranho e toda a sua fragilidade! No começo a Olívia simplesmente odiou ela, ficava mordendo e batendo na pobrezinha e a Kitty fugia dela né? Mas de umas 3 semanas pra cá as duas estão virando melhores amigas, sempre juntas, correndo e brincando pela casa inteira. A Kitty aprendeu a pular nas costas da Olívia, então elas sempre ficam brincando de "luta", é muito engraçado! O melhor é que agora a Olívia não fica sozinha em casa.

Essa é a primeira vez que tenho uma gata, e no começo estava muito perdida, porque é nítida a diferença entre os cães e gatos. Os gatos são muito independentes, e eu (mãe babona e que gosta de apertar e morder #feliciafeelings) fiquei muito brava, porque sempre que queria pegar a Kitty ela me arranhava e saia correndo (inclusive estou lotada de arranhões, essa é a minha vida agora!).

A Kitty está perdendo o medo pouco a pouco, e essa semana ela mudou muito. Agora ela deixa eu pegar ela no colo sem fugir (ok, ela foge às vezes), me deixa apertar, brincar e não me arranha tanto. Ela tomou a primeira dose da vacina V4, e no final do mês vai tomar a segunda dose, para podermos castrá-la.

E a vida segue assim, a família aumenta e cada dia descobrimos novas coisas sobre o mundo felino, que é tão bom quanto o canino :)

Diz aí se ela não uma gatinha linda, gorda e fofa? Diz se é possível olhar essa carinha e não querer esmagar de tanto abraço?


Brincando com a minha irmã Olívia


As duas primeiras foram logo que ela chegou, e as outras são de atualmente.

Julio
Fofura do dia: minha cachorrinha tem Instagram!
Muleque & eu
Página 81 de 84
«1 ...7778798081828384››